Heróis?

“Mas temos esse tesouro em vasos de barro, para mostrar que este poder que a tudo excede provém de Deus, e não de nós” (2 Coríntios 4:7)

Na escola dominical, perguntaram a uma menininha o que significa santo. Pensando nos santos desenhados nos vitrais, ela respondeu: “Ah, são as pessoas através das quais a luz brilha.” Ela estava certa. Isso é exatamente o que é um santo: alguém através do qual a luz brilha. Jesus disse: “Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus” (Mateus 5:16). Segundo as Escrituras, um santo é um verdadeiro crente

Quando Deus se tornou um homem e andou entre nós, depois foi para a cruz, morreu e ressuscitou, Ele chamou 12 discípulos. Eles não tinham tecnologia moderna para ajudá-los a alcançar sua comunidade; porém, em um período relativamente curto de tempo, atingiram sua antiga civilização. E fizeram isso principalmente através da palavra falada, boca-a-boca, contando aos outros sobre Cristo

Quando pensamos nestes grandes homens de Deus, é difícil imaginá-los como seres humanos. Mas quando lemos suas histórias na Bíblia, vemos que eles eram muito sinceros e honestos. Vemos as suas falhas e erros e até mesmo os seus pecados. Acho que a razão disso é para que possamos ver que Deus pode fazer coisas extraordinárias através de pessoas comuns

Estes homens que Deus usou eram simples. Não eram super-heróis. Eram muito humanos. Eles não foram chamados por Deus por serem excelentes. Em vez disso, sua grandeza veio como resultado do chamado de Deus. Deus não chama os qualificados; Ele qualifica os chamados.